Todo conteúdo deste blog é publico.

Todo conteúdo deste blog é publico. Copie, imprima ou poste textos e imagens daqui em outros blogs. Vamos divulgar o Espiritismo.

sábado, 11 de setembro de 2010


O BANCO DA VIDA


Como é possível crescer?
Sem o dom da caridade.
Sem a Deus obedecer,
E sem amar de verdade.

Como essa muralha transpor?
Que nos leva á perfeição.
Sem antes passar pela dor,
Sem conhecer o perdão.

Como esperar ver o Pai?
Com fé superficial.
Se ainda não estas forte,
Pra vencer todo o mal.

É preciso muita cautela
Para escolher os caminhos.
A vida é uma rosa bela.
Que contém muitos espinhos.

É preciso ser comedido,
A vida é um tobogã.
O prazer hoje, não tem sentido
Se vais sofrer amanhã.

É preciso ter coragem
E não se deixar envolver.
Pela utopia selvagem
Que o homem tem no prazer.

Aquele que hoje salda o débito
Virá mais tranqüilo amanhã
Deus assim reata o seu crédito
É o “BANCO DA VIDA”.


Médium: Lúcia – Espírito: Um Amigo Poeta.

2 comentários:

  1. Carlos. Que saibamos contabilizar de forma humana e caridosa o nosso banco da vida, para vislumbrarmos futuros mais felizes. Beijos e ótimo fds.

    ResponderExcluir
  2. Oi querida amiga Maria José, lutemos por ter sempre créditos no Banco da Vida.
    Um lindo fim de semana a você também.
    Beijos,
    Carlos

    ResponderExcluir