Todo conteúdo deste blog é publico.

Todo conteúdo deste blog é publico. Copie, imprima ou poste textos e imagens daqui em outros blogs. Vamos divulgar o Espiritismo.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

ABENÇOA SEMPRE 2


Seja onde for, abençoa para que a benção dos outros te acompanhe.


Todas as criaturas e todas as cousas te respondem, segundo o toque de tuas palavras ou de tuas mãos.


Abençoa teu lar com a luz do amor, em forma de abnegação e trabalho, e o lar abençoar-te-á com gratidão e alegria.


Abençoa a árvore de tua casa com a dádiva e teu carinho e a árvore de tua casa abençoar-te-á com o perfume da flor e com a riqueza do fruto.


Se amaldiçoas, porém, o companheiro de cada dia com o azorrague da censura, dele receberás a mágoa e a desconfiança.


Se condenas o animal que te partilha o clima doméstico à fome e à flagelação, dele obterá rebeldia e aspereza.


Em verdade, não podes abençoar o mal, a exprimir-se na crueldade, mas deves abençoar-lhe as vítimas para que se refaçam, de modo a extinguí-lo.


Não será justo abençoes a enfermidade que te aflige, mas é indispensável abençoes o teu órgão doente, para que com mais segurança se reajuste, expulsando a moléstia que, às vezes, te impõe amargura e desequilíbrio.


Não amaldiçoes nem mesmo por pensamento.


A idéia agressiva ou destruidora é corrosivo em nossa boca, sombra em nossos olhos, alucinação em nossos braços e infortúnio em nossa vida.


Abençoa a mão que te fere e a mão que te fere aprenderá como eximir-se da delinqüência.


Abençoa o verbo que te insulta e evitarás a extensão do revide.


Abençoa a dificuldade e a dificuldade revelar-te-á preciosas lições.


Abençoa o sofrimento e o sofrimento regenerar-te-á.


Abençoa a pedra e a pedra servirá na construção.


Não olvides o Divino Mestre da Bênção.


Jesus abençoou a Manjedoura e dela fez o berço luminoso do Evangelho nascente; abençoou a Pedro, enfraquecido e vacilante, transformando-o em vigoroso pescador de almas; abençoou a Madalena obsidiada e nela plasmou o sinal da sublimação humana; abençoou Lázaro, cadaverizado, e devolveu-lhe a vida; e, por fim, abençoou a própria cruz, nela esculpindo a vitória da ressurreição imperecível.


Abençoa a Terra, por onde passes, e a Terra abençoara a tua passagem para sempre.


Livro: Visão Nova – Médium: Chico Xavier – Espírito: Sheilla.
Fonte da imagem: Internet

2 comentários:

  1. bom dia Carlos linda mensagem da Cheilla
    que pena que algumas palavras ficaram escondidas
    não da para ler na integra,um abraço tenha ótima semana bjs marlene

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga Marlene, eu vou te enviar esta lição por e-mail.
    Beijos,
    Carlos

    ResponderExcluir